Após discussão entre vizinhos, homem acaba morto em confronto com a PM em Pontal do Paraná

Gostou deste conteúdo? compartilhe...

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Por volta do meio-dia desta sexta-feira (25), a Polícia Militar foi acionada para atender uma briga entre vizinhos em Pontal do Paraná, no Balneário de Santa Terezinha. A  briga começou, porque um deles acusava o outro, que seria Guarda Civil Municipal em Paranaguá, de estar olhando sua esposa pelo muro da residência.

A polícia se deslocou para o local e encontrou o homem bastante transtornado, armado e ameaçando a equipe com uma arma de fogo, o tempo todo. O local foi isolado e a equipe de negociações do BOPE de Curitiba foi acionada para auxiliar na ocorrência.

A ficha do rapaz foi levantada pelas equipes policiais e foi constatado que ele já tem passagem pela justiça por homicídio. De acordo com testemunhas, ele ainda molestava e assediava crianças e adolescentes da região.

No meio das negociações, o homem parou de responder e a equipe do BOPE se aproximou da residência sendo recebida, com tiros disparados por um revólver calibre 38. Os tiros atingiram o braço esquerdo de um dos policiais e foi iniciado um confronto armado, do qual, o criminoso saiu sem vida.

Segundo a polícia, o homem possuía inúmeros problemas de personalidade e de cunho familiar. Ele foi identificado como Ronaldo Justino Xavier, 35 anos. O policial baleado foi encaminhado para receber atendimento no Hospital Cajuru, em Curitiba.

PARCEIROS