Curitibana é sequestrada e fica gravemente ferida, após ser golpeada por um canivete na região rural de Morretes

Gostou deste conteúdo? compartilhe...

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Na noite da última terça-feira (24), a Polícia Militar foi acionada para atender uma situação de lesão corporal, onde a vítima foi atingida nas pernas e nos braços por golpes de canivete, no Bairro Pantanal, em Morretes.

Conforme o relato, às 20h30min, uma equipe de Rádio Patrulhamento Auto (RPA) foi acionada, via central de comunicação, para se deslocar até a Estrada do Pantanal, onde, de acordo com as informações repassadas pela solicitante, uma mulher estaria caída na rua, com perfurações pelo corpo e gritando por socorro.

No local, próximo à capela, os militares estaduais encontraram a vítima deitada na pista, ensanguentada e bastante machucada.

Consciente, a jovem de 21 anos de idade relatou que mora no Bairro Cajuru, em Curitiba. Segundo ela momentos antes, estava no seu bairro, quando amigos lhe informaram que uma mulher, dentro de um carro, estaria chamando por ela.

A vítima disse que foi até o veículo e, após uma breve conversa, embarcou no automóvel e saiu do local tomando rumo ignorado. O assunto era o marido da condutora.

Durante o percurso, a agressora dirigiu ameaçando a jovem de morte, com um canivete, até o Município de Morretes. Já na cidade, transtornada, a mulher sacou da arma branca e desferiu vários golpes na vítima. Além disso, ameaçou que mataria moça, caso ela ligasse para a polícia.

Moradores da região informaram terem visto um automóvel sedã, de cor preta, fugindo em alta velocidade da localidade, sentido centro da cidade.

Duas pessoas testemunharam a situação. A jovem foi atendida pelo SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e encaminhada para o Hospital Municipal de Morretes. A Polícia Militar efetuou patrulhamento pela região, porém, a suspeita não foi localizada.

PARCEIROS