Pai é acusado de estupro de vulnerável contra sua filha de 2 anos em Matinhos

Gostou deste conteúdo? compartilhe...

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Na tarde de ontem (02), mais uma vez a Polícia Militar foi acionada para atender ocorrência de crime contra a dignidade sexual no Litoral do Estado. Desta feita, a vítima foi uma criança de dois anos de idade, cujo suspeito, como tem sido comum nesses casos, seria o próprio pai.

De acordo com informações obtidas por esta redação, às 15 horas, uma equipe de Rádio Patrulhamento Auto (RPA) foi designada se deslocar até a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) de Matinhos, onde, segundo o solicitante, o médico que atendeu o caso, havia dado entrada uma criança com sinais de abuso sexual.

No local, os militares estaduais conversaram com a mãe da vítima, uma jovem de 20 anos de idade. Ela relatou que no sábado (01), entre as 19 e 23 horas, havia deixado a filha no endereço do seu ex-companheiro de 23 anos, e que após esse período, ao retornar para casa, quando foi dar banho na criança, a menina reclamou de dores nas partes íntimas, informando que o pai havia colocado o dedo na sua genitália.

Diante da situação, após o atendimento médico, mãe e filha foram encaminhadas para a Delegacia de Polícia Civil de Matinhos, a fim de formalizar a denúncia sobre o fato.

A situação foi acompanhada pelo conselho tutelar do município. Até o fechamento desta matéria, não obtivemos informações se o autor do abuso não foi preso. O caso foi registrado como estupro de vulnerável.

PARCEIROS